Advogado é detido por porte ilegal e por agredir a mulher no Paraná

136
Agressão Curitiba

O proprietário de uma distribuidora de bebidas afirma que o homem o ameaçou de morte, mesmo dentro da delegacia. A confusão aconteceu em Curitiba.

Um advogado acabou detido por porte ilegal de arma na noite de terça-feira, 17, em Curitiba. Ele seria praticante de tiro esportivo e tem porte liberado, porém restrito ao deslocamento para o clube de tiro. No momento da sua prisão, ele não estava no trajeto.

As primeiras informações são de que, pouco antes das 22h de terça, o advogado estacionou a caminhonete Mitsubishi em frente a uma distribuidora de bebidas na Avenida Wenceslau Braz, acompanhado de uma mulher.

Segundo o proprietário do estabelecimento, ele percebeu o que parecia ser uma briga de casal e resolveu intervir.

“Eu falei, o cara você tá ficando louco, você não vai bater nela aqui na frente de jeito nenhum”, disse ele para a reportagem da Banda B.

De acordo com o comerciante, a mulher estava desesperada, pedindo socorro e chamando pela polícia. “Ele estava agredindo ela, socando ela dentro do carro”, relatou.

Câmeras de segurança do local mostram o carro estacionado e a movimentação do casal fora do veículo. (Assista ao final)

No momento da prisão, o advogado teria se negado a entregar a arma, dando trabalho à polícia. “Os policiais tiveram que usar de força maior, tiveram que algemar ele, puxar à força até o carro dele. Ele jogou a chave longe. Várias vezes deu várias carteiradas, dizendo que conhecia fulano, beltrano.”

Informações Via Banda B

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui