Tufão poderá passar próximo de Tóquio na Abertura dos Jogos Olímpicos

84
Tufão sobre o Japão

Os tufões Cempaka e In-fa se formaram no leste asiático. Cempaka atingiu o sul da China nessa terça, enquanto In-fa segue caminho sobre as pequenas ilhas do sul do Japão, podendo influenciar as condições do tempo em Tóquio na abertura das Olimpíadas.

Após um período de tranquilidade, a temporada de tufões do Pacífico Oeste voltou à ativa! Dois ciclones tropicais evoluíram para tufões sobre as águas quentes do Pacífico Tropical Oeste no início dessa semana, Cempaka e In-fa, e um deles poderá alterar as condições do tempo no início dos jogos olímpicos no Japão!

O Tufão In-fa poderá gerar chuvas sobre o Japão até a abertura dos jogos olímpicos, além de boas ondas para os primeiros dias de competição de surfe!

Desde o dia 14 uma área de baixa pressão estava sendo monitorada a noroeste de Guam, uma pequena ilha pertencente aos Estados Unidos localizada na Micronésia. O sistema foi classificado como depressão tropical Fabian ao entrar na área de responsabilidade das Filipinas no dia 16. No domingo (18), a Agência Meteorológica Japonesa (JMA, sigla em inglês) classificou o sistema como tempestade Tropical In-fa.

Desde domingo a tempestade ganhou força sobre o oceano enquanto se deslocava para norte. No início desta terça-feira o sistema evoluiu e desenvolveu um ‘olho’, sendo classificado então como Tufão In-fa. O tufão classificado como categoria 1, com ventos máximos sustentados de 120 km/h, agora está a cerca de 200 km ao sul da ilha japonesa de Okinawa, já impactando as pequenas ilhas do sul do Japão.

No momento In-fa deixou de se deslocar para o norte, mudando sua trajetória para oeste, e não deverá impactar diretamente a capital Tóquio, onde ocorrerá a cerimônia de abertura das Olimpíadas nessa sexta-feira (23). Entretanto, apesar de distante da capital, o sistema deverá contribuir para a ocorrência de chuvas na região até o início das Olimpíadas.

Outro efeito que In-fa poderá exercer sobre os jogos olímpicos é na geração de grandes ondas. Muitos atletas olímpicos de surfe já se mostraram empolgados com a possibilidade do tufão gerar ondas de até 3 metros de altura no primeiro dia de competição da modalidade no dia 25.

O tufão agora segue uma trajetória para oeste e pode se intensificar mais sobre o Mar da China Oriental, podendo alcançar a categoria 2. In-fa deverá impactar outras ilhas do extremo sul do Japão nessa quarta, entre quinta e sexta o norte de Taiwan e no final da semana poderá tocar o solo no leste da China, entre as províncias de Fujian e Zhejiang.

Tufão Cempaka

O segundo sistema tropical, Cempaka, também ganhou força e transformou-se em tufão categoria 1 no início desta terça-feira (20) sobre o Mar do Sul da China. Diferente de In-fa, Cempaka já tocou em terra nessa terça, sobre a província chinesa de Guangdong, entre as cidades de Youhang e Xitouzhen.

Cempaka deverá continuar gerando chuvas torrenciais, ventos fortes próximos a costa e possível inundações em todo o sudeste do país ao longo dessa semana. Nas províncias de Guangdong, Guangxi e Hainan são esperados acumulados de 100 a 200 mm, mas alguns pontos isolados poderão receber acumulados ainda mais intensos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui